segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

História e Justiça – II

Falando em relíquia... 
Em 1933, o STF teve que decidir com quem ficava a coroa imperial: com o Brasil ou com a Família Real. 
Os ministros entenderam que o artefato valioso é um patrimônio particular e o devolveu à família dos Braganças.
fonte:Migalhas

Nenhum comentário:

Postar um comentário