terça-feira, 12 de maio de 2020

Em fase de testes, respirador desenvolvido pelo SENAI-RN e Universidades aguarda aprovação da Anvisa

O projeto para a produção de respiradores desenvolvido pelo SENAI/RN, por meio do Instituto SENAI de Inovação em Energias Renováveis (ISI-ER), já está em fase de testes. O protótipo de respirador mecânico invasivo – equipamento usado no tratamento de pacientes com Covid-19, que precisam ser entubados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) – está em avaliação de calibração e testes (pré-clínicos e clínicos) para, em seguida, ser submetido ao órgão regulador para validação e fabricação em série. 

A iniciativa faz parte do conjunto de medidas adotadas pelo Sistema FIERN, que colocou toda sua estrutura à disposição do enfrentamento do novo coronavírus (Covid-19) no Rio Grande do Norte.

O aparelho foi totalmente desenvolvido pela equipe de engenheiros e técnicos do ISI/ER em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), responsável pela fase de testagem clínica, e também com a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), que atua na etapa de documentação do projeto para aprovação e licenciamento junto a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O Instituto SENAI de Inovação funciona nas mesmas instalações que o CTGAS-ER.

Nenhum comentário:

Postar um comentário