quinta-feira, 11 de junho de 2020

Deputado coronel Azevedo deixa Bloco Parlamentar e pode perder presidência da CPI

O coice do coronel Azevedo na democracia
Noivo traído 
O deputado Cel Azevedo levou um escanteio do Bloco Parlamentar que participava no Legislativo potiguar na companhia dos deputados Getúlio Rego (DEM), Galeno Torquato (PSD) e Vivaldo Costa (PSD). 
A articulação para troca do nome do Cel Azevedo pelo deputado Nélter Queiroz foi sacramentada no último dia 02 de junho, mas, só nesta quarta-feira (10) referendada pelo plenário virtual da Casa. 
O Bloco passa agora a ser presidido pelo deputado Getúlio Rego.

Ciranda 
A “coincidência” é que o parlamento adiou para pós pandemia a CPI do Arena das Dunas, da qual Azevedo havia sido nomeado presidente.
Diante do fato novo, não seria surpresa se o deputado Getúlio Rego assumisse, no futuro, a presidência da CPI, que vai investigar contratos do governo que ele (Getúlio) foi o líder. 
O arquivamento da CPI teve a concordância de 12 senhores parlamentares.
Rosalie Arruda
Tribuna do Norte, 11 de junho

Nenhum comentário:

Postar um comentário