sábado, 13 de junho de 2020

Guedes diz ter interferido na Receita para barrar exportação de respiradores

Paulo Guedes confirma prorrogação do auxílio emergencial por 2 ...
O ministro da Economia, Paulo Guedes, relatou nesta sexta-feira (12) a representantes dos setores de comércio e serviço ter atuado "extracampo" para fazer um bloqueio informal à exportação de ventiladores pulmonares e outros insumos de combate à Covid-19 a países como Paraguai, Itália e Macedônia do Norte.
Empresário diz já ter usado R$ 24 mi do Consórcio NE para comprar insumos e fabricar respiradores
Em reunião com entidades empresariais, cujo áudio foi obtido pela Folha, Guedes contou que foi montada uma "operação tartaruga" na Receita Federal para impedir a venda de produtos que pudessem faltar para pacientes brasileiros, mesmo tratando-se de contratos fechados legalmente e juridicamente válidos.
"Aí os governos pediam ao nosso ministro das Relações Exteriores [Ernesto Araújo], aí o ministro ligava para mim e eu ligava para o presidente [Jair Bolsonaro]. Falava: 'Presidente, tem tanto aqui, tal país está pedindo tanto, manda ou não manda? O senhor decide, e eu não quero nem saber qual a decisão. Eu só preciso chamar atenção porque o ministro da Saúde disse que nós vamos morrer por falta disso'", afirma.
Fonte: Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário