quarta-feira, 21 de outubro de 2020

Bolsonaro diz que vacina chinesa não será comprada


'Não será comprada', diz Bolsonaro sobre vacina chinesa.
Essa foi a frase do presidente hoje em rede social desautorizando o ministro da Saude, general Pazuello, que ontem anunciou a compra de 46 milhões de doses da Coronavac.
Quatro países superam o Brasil no número de novos casos de Covid-19
O anuncio de Pazuello foi elogiado por João Dória, governador de São Paulo e desafeto político de Bolsonaro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário