quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Nobel de Química sai para duas pesquisadoras

Duas pesquisadoras, Emmanuelle Charpentier da França e Jennifer Doudna dos Estados Unidos, foram as escolhidas para a premiação do Nobel de Química 2020 nesta quarta-feira, 07, por desenvolverem a técnica de edição de genes conhecida como "tesoura" de corte de DNA CRISPR-Cas9.
A técnica CRISPR permite que cientistas modifiquem genomas com uma precisão nunca antes atingida, além de eficiência e flexibilidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário