Detran

terça-feira, 24 de novembro de 2020

O ✨ Boletim do Bardo ,✨ Alex Nascimento, hoje é um boletim de aniversário. 🥳

E o que estamos comemorando?
Eu poderia dizer: um mês do acidente, mas a frase fica até cacofônica diante da beleza do que vamos comemorar.
Hoje, dia 22 de novembro de 2020 (data bonita né? Quantos 2s!). Estamos comemorando o abrir de olhos de Alex. 👀
Não sei se já descrevi esse trecho (quase que cinematográfico) do dia do acidente.
Mas, depois de alguns minutos desacordado, Alex respondeu aos meus gritos de desespero e aos meus sussurros de amor, carinho e medo, com um abrir de olhos encantador e um sorriso brilhantemente lindo. 😁
E podem acreditar, ele ficou até mais charmoso com um calinho de sangue que se formou do lado direito da boca. 😎

Então, hoje, estamos de parabéns! aqui em casa.

Vou encher bolinhas, 🎈🎉 pendurá-las num barbante e chorar um pouquinho no travesseiro o alívio que é tê-lo vivo. 🙌🏾🙏🏾
Devidamente introduzidos, vamos ao resuminho da semana?
Acho que vou ser crucificada por vocês ✝️, mas, pense numa semana interessante!
Segunda-feira, tínhamos consulta com o neurologista, para o acompanhamento da evolução do quadro neurológico, eis que, às 14:00 não havia um cristão conhecido, minimamente preservado (por causa do COVID-19), que pudesse descer Alex nas escadas.

O que é que eu fiz?
Como toda idiota da minha geração 🤓 (como diz Alex) fui para o YouTube 📲, tentar achar vídeos que me auxiliassem a descê-lo na escada.
Fiz quase que um curso completo de física para ao ENEM. (Que bom, porque estou, de fato, inscrita no ENEM 2020).

Resultado?
Vou passar no ENEM, malhei pelos próximos 2 meses, e descemos só nós dois degrau por degrau, trabalhados na confiança um no outro, nas leis da física, nas técnicas de equilíbrio e na fé em Deus! 🔄📈📉⚖️🙌🏾🙏🏾

Deu certo!
Fomos ao neurologista, que o observou e solicitou nova tomografia. Podemos ficar tranquilos e felizes, porque ele não está apresentando nenhuma desorientação ou perda motora. Então, vamos torcer para que as imagens sejam compatíveis com o estado físico e mental dele. 🤞🏾
Saindo de lá, fomos à Unimed, ele aguardou no carro enquanto eu carimbava meia dúzia de papéis e paciência. 🎟️
E olha que bacana, ele me pediu pra ir comer na padaria!!!
Fomos. 
Demos rolé de cadeira de rodas 👨🏼‍🦽, esculhambando com a estrutura (melhor, a falta dela, na verdade) para cadeirantes nas calçadas.
E chegando na padaria, Alex tomou duas cumbucas de sopa 🍵➕🍵 e comeu um cachorro-quente 🌭 (aposto que ele lembrou do Cachorro-Quente do Manel). Além dele ter matado a saudade do pessoal da Hora do Pão, o que fez um bem danado ao estado de espírito dele.
Alimentado de corpo e alma, seguimos pra casa.
Aí sim, fim de expediente, já tinha o fiel elevador humano para subí-lo, Breno e Péres, nossos queridos vizinhos no Edifício Michelli.
Já recebemos 4 visitas dos profissionais da Unimed e ele está devidamente incluído no programa. 👏🏾
Ontem, sábado, veio pela primeira vez, um profissional do Home Care, e avaliou os ferimentos, disse que estavam todos muito bons, e que já já nem vai mais precisar fazer curativo. 🩹
Mesmo assim, vou continuar colocando Band Aid de bichinhos porque ele fica muito charmosinho.
Segunda ele começa com a fisioterapia!
Preguiçoso, não vai querer que eu contrate uma(um) fisioterapeuta particular, para intercalar com as do plano. Eu já esperava por isso.
Os banhos estão mais frequentes, no chuveiro, e ele está querendo ficar mais autônomo, o que é muito bom para a recuperação.
Sempre estímulo a "fisioterapia funcional", ele está escovando os dentes com a própria mão, ele passa sabonete onde alcança.
Meu menininho está crescendo! 😅
Não admitiu, ainda, estar melhor, mas já dizia Manoel Bandeiras: "Repetir, repetir até ficar diferente".
Já observo mudanças nas repetições dele.
Ele falou essa semana, que as dores estão revezando, ou seja, no lugar de doer tudo num bolo 🎂 só, agora, dói fatia por fatia 🍰.
Bom?
Não é.
Mas é melhor do que como estávamos antes.
Concordam?
Mesmo que ele não se diga melhor.
Então é isso, pessoal!
Mais tarde vai ter bolinho, comidinha do Camarões, que ele adora, e vou abrir meu espumante 🍾🥂, porque eu também sou filha de Deus!
Vou juntar todas as músicas que ele recebe, pra ser a trilha sonora da noite.
🎼🎷🎺🥁🎹🎻🎸
E vou passar o dia agradecendo, sabem por quê?
Porque nós somos privilegiadíssimos.
Não só por Alex estar vivo. Mas por termos a condição de tornar esse momento difícil, o mais confortável possível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário