Home

O presidente Jair Bolsonaro foi condenado pela Justiça de São Paulo a pagar uma indenização de 20 mil reais à jornalista Patrícia Campos Mello, da Folha, por fazer comentários jocosos de cunho sexual, durante entrevista concedida no dia 18 de fevereiro de 2020.
“Ele [jornalista] queria um furo. Ela queria dar o furo, dar o furo a qualquer preço", disse o presidente na ocasião.
A juíza Inah de Lemos e Silva Machado, da 19ª Vara Cível, decidiu no dia 16 de março que Bolsonaro "prejudicou a honra da reclamante, causando dano moral".

O Filho
No dia 21 de janeiro, a mesma jornalista já havia obtido uma vitória judicial contra o filho de Bolsonaro, Eduardo, que foi condenado a pagar 30.000 reais como indenização por danos morais após alegar que ela "tentou seduzir" uma fonte por informações prejudiciais contra seu pai.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner

Anúncio Publicitário

header ads