quinta-feira, 22 de abril de 2021

Álvaro Dias diverge do Governo do RN e vai apresentar decreto com mais flexibilizações

Foto: Samuel Florêncio/Inter TV Cabugi
Em reunião na sede da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn)  na tarde desta quinta-feira (22), o prefeito de Natal Álvaro Dias disse que não vai seguir na íntegra o novo decreto de flexibilização anunciado mais cedo pela governadora Fátima Bezerra.
Álvaro disse ter ciência que "existe uma pandemia instalada" mas que diminuiu a pressão, "a situação está bem melhor do que antes. E agora está se instalando aqui em Natal a pandemia da fome".
As principais discordâncias entre os dois decretos são: a liberação da venda de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes e o toque de recolher integral aos domingos e feriados.
Segundo o G1RN, as principais diferenças são:

Regras do governo do RNRegras da prefeitura de Natal
Toque de recolher das 22h às 5h de segunda a sábado e integral aos domingosToque de recolher das 22h às 5h de segunda a domingo
Venda de bebida alcoólica proibida em bares e restaurantesVenda de bebida alcoólica em bares e restaurantes permitida até 22h
Bares e restaurantes podem abrir de segunda a sábado até 21h, e aos domingos, das 11h às 15hBares e restaurantes podem abrir de segunda a domingo até 22h

Nenhum comentário:

Postar um comentário