quarta-feira, 21 de julho de 2021

Fundo russo pede prazo de 48 horas para decidir se envia Sputnik V ao Brasil

O Fundo russo pediu prazo de 48 horas para decidir se envia a vacina Sputnik V ao Brasil, como solicitou o Consórcio Nordeste.
A informação é da CNN Brasil.

Em reunião desta quarta-feira (21) com os governadores, o Fundo Russo Krill Dmitriev informou que precisa pensar mais sobre o assunto. A justificativa, segundo o Consórcio Nordeste, é de que o Ministério da Saúde tem demonstrado que não vai incluir a Sputnik V no Programa Nacional de Imunização (PNI)

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (21), o ministro da saúde, Marcelo Queiroga, disse que tanto a vacina russa quanto a indiana Covaxin não devem estar no PNI, porque o país já garantiu 600 milhões de doses de outras vacinas contra a Covid-19.

Nenhum comentário:

Postar um comentário