Home

O fotógrafo e documentarista ucraniano Maks Levin, 41 anos, foi encontrado morto perto da capital Kiev depois de ser dado como desaparecido há mais de duas semanas.

A informação foi confirmada à AFP pelo assessor presidencial Andriy Yermak neste sábado.

Ele estava documentando a guerra quando os ataques intensificaram. Levin, o terceiro jornalista morto no conflito, deixa a esposa, pais e quatro filhos.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

header ads

Anúncio Publicitário

Banner