Home

A Comissão de Transportes, Legislação Participativa e Assuntos Metropolitanos da Câmara Municipal de Natal criou  um grupo de trabalho para acompanhar a chamada pública para interessados em assumir as mais de 30 linhas abandonadas pelas empresas de ônibus urbanos da capital potiguar.

De acordo com o presidente da Comissão de Transportes, vereador Milklei Leite (PV), a criação deste GT foi definida em reunião com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), que também fará parte da comissão, bem como os vereadores Eribaldo Medeiros (PSB ), Divaneide Basílio (PT), Anderson Lopes(SD) e Robério Paulino (PSOL), além de representantes do Movimento Comunitário de Natal (MCN).

“Quem serão e quais os critérios para assumir essas linhas? Esse grupo de trabalho irá acompanhar esse processo, para garantir a continuidade do serviço”, resumiu o presidente da Comissão de Transportes.

Como representantes do MCN, foram formalizados como membros do GT, o presidente do Conselho Comunitário do Conjunto Gramoré, Marcelo Henrique, e o líder comunitário do Panatis, Douglas Fabiano. “Nosso primeiro objetivo é garantir a participação das comunidades nessas decisões, para assegurar a continuidade e a qualidade do transporte público”, definiu Marcelo.

Ainda na reunião desta segunda, a Comissão de Transportes designou relator para dois projetos de lei. O vereador Milklei avocou relatoria do PL 188/2021, de autoria do vereador Raniere Barbosa (Avante), que estabelece diretrizes para o aprimoramento da educação especial, por meio das "rodas de conversas integradas", a serem realizadas com a finalidade de apoiar os estudantes com deficiência e seus familiares na inclusão escolar. E a vereadora Divaneide foi designada para a relatoria do PL 322/2021, de autoria do vereador Robério Paulino, que dispõe sobre a instalação de espaços de cuidados infantis em locais públicos especificados.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner

Anúncio Publicitário

header ads