Home

Ex-senador Magno Malta
O ministro Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news no Supremo Tribunal Federal (STF), notificou, na segunda-feira (13/6), o ex- senador Magno Malta (PL-ES) a dar respostas, em 15 dias, sobre a queixa-crime ajuizada contra ele por declarações feitas contra o ministro Luís Roberto Barroso durante um congresso realizado no último fim de semana, em Campinas, São Paulo. 

Malta acusou o ministro de bater em mulher e disse que ele era advogado de ONGs abortistas e da legalização da maconha. A queixa-crime ainda não chegou a ser aceita e a ação penal ainda não foi aberta.

O caso foi distribuído ao ministro Alexandre de Moraes por ter ligação com o inquérito das fake news.
Fonte: Jota 

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner

Anúncio Publicitário

header ads