Home


O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou que outros países estão interessados em replicar a experiência brasileira de pagamentos instantâneos do Pix.

“Estamos fazendo uma parte de Pix internacional. Eu tenho conversado bastante com o banqueiro central da Colômbia (Leonardo Villar). Ele me diz que querem fazer igual", disse em palestra promovida pelo Escritório Figueiredo & Velloso Advogados Associados.

Campos Neto também falou que o cartão de crédito deixará de existir “em breve”. Ele afirmou que deseja que a moeda digital do Brasil esteja funcionando em 2024.  Cada pessoa terá um app “integrador” no celular.“Se decidir fazer crédito, vai ter lá as taxas dos bancos. Se não, vai escolher o débito e vai ser um Pix comum”, declarou. “Vai ter uma carteira de dinheiro físico e uma carteira de dinheiro digital. […] Esse sistema elimina a necessidade de ter cartão de crédito, acho que vai deixar de existir em algum momento em breve”, completou.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner