Home

Em reunião no Quartel-General, o Alto Comando do Exército Brasileiro selou posição de respaldar o resultado das eleições presidenciais deste domingo (02).

Segundo o Estadão, 16 oficiais-generais do grupo mais influente das Forças Armadas indicaram que a caserna vai seguir o rito de conhecer o anúncio do vencedor pelo Tribunal Superior Eleitoral - TSE.

A auditoria paralela realizada pelos militares não deve entrar na seara de atestar ou reprovar eleições; ao fim do pleito, ainda no domingo, oficiais devem emitir documento com achados da fiscalização assinado pelo ministro da Defesa.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner