Home

Autoridades do Catar tomaram uma bandeira de Pernambuco de brasileiros, na frente do Lusail Stadium, em Doha. O caso aconteceu logo após a partida entre Arábia Saudita e Argentina, na Copa do Mundo, nesta terça-feira (22).

A informação é do G1PE.

Segundo testemunhas, eles pegaram a bandeira, jogaram no chão e pisaram, por terem pensado que se tratava de uma bandeira LGBTQIA+, devido ao arco-íris presente na ilustração.

"Pessoal, eu estou nervoso, tremendo, de fato, porque a gente estava com a bandeira de Pernambuco. [...] Estou aqui com alguns voluntários. Ela é de Recife. Desculpa, eu estou tremendo, porque fui atacado por alguns integrantes do Catar, pessoas com essa roupa e também policiais porque eles vieram para cima das meninas achando que era uma bandeira LGBT, mas, na verdade, é apenas a bandeira de Pernambuco. Fui filmar e eles pegaram meu telefone e só devolveram me obrigando a deletar o vídeo que eu fiz. Eu só consegui meu celular de volta porque eu deletei o vídeo que eu fiz. Isso é um absurdo porque a gente tem a autorização da Fifa para filmar absolutamente tudo, aqui no estádio", disse o jornalista Victor Pereira, que presenciou o fato, em vídeo divulgado nas redes sociais.

Ao Portal, Vitor afirmou que está no Catar a trabalho, devidamente credenciado pela Fifa.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner