Home

O Tribunal de Contas da União recebeu pedido para determinar que a Petrobras suspenda a distribuição antecipada de R$ 43,7 bilhões em dividendos. 

Na representação, o procurador Lucas Furtado diz que o pagamento pode “aniquilar” o caixa da empresa. 

A equipe de Lula e associações de petroleiros contestam a decisão de antecipar o repasse, tomada após o fim do segundo turno.

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner