Home

GOVERNO DO RN
Na tarde desta segunda-feira (9), o prefeito Álvaro Dias se reuniu com representantes do Sindicato dos Professores (Sinte/RN) para tratar sobre o reajuste salarial dos profissionais da educação básica do município, ativos e inativos. A reunião contou também com a presença de secretários municipais e representantes do legislativo municipal.

O chefe do executivo municipal propôs à categoria um reajuste de 7% com retroativo de janeiro a junho de 2023, sendo pago de janeiro a abril de 2024 em quatro parcelas.“Mantemos o diálogo com a categoria e esperamos que a nossa proposta seja acatada pelo Sindicato após uma Assembleia que será realizada. Agradeço a presença de todos nessa reunião democrática onde não foi fácil chegar a esse valor. Nós vamos conceder o reajuste aos professores com a certeza de continuar em dia com o pagamento dos servidores que é um dos nossos objetivos e um dos nossos compromissos com o povo da cidade de Natal”, afirmou.

Segundo a secretária de educação do município, Cristina Diniz, os recursos para o pagamento dos inativos serão da fonte municipal. E os recursos para o pagamento dos ativos são oriundos do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica).

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Educação, Fátima Cardoso achou positivo ter uma proposta por parte do executivo e vai encaminhar para a assembleia avaliar. “Hoje foi um ponto de partida muito importante pra gente dar continuidade às negociações porque o prefeito nos recebeu e tivemos uma proposta. Vamos avaliar a questão junto à categoria em uma assembleia onde será apreciada e vamos chegar a uma resposta. Esse diálogo com o executivo é fundamental para continuar com o acordo”, disse.

Uma nova audiência foi marcada para a próxima quinta-feira (13) com representantes do Sinte para saber o resultado avaliado pela categoria.

Estiveram presentes na reunião as secretárias Cristina Diniz e Adamires França, o secretário municipal de Governo Joham Xavier, o Procurador Geral do Município, Thiago Tavares, o secretário Thiago Malheiros, professores e vereadores.

Poste um comentário

comente aqui..