sexta-feira, 24 de abril de 2020

Provável saída de Moro faz dólar atingir novo recorde cotado a R$ 5,59

Tensão na Economia movida pela política.
Com a possibilidade de demissão do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, que dará entrevista logo mais às 11 horas quando deve esclarecer se fica, ou saí, o mercado econômico acordou em ebulição nesta manhã de sexta-feira, 24.
Bolsonaro exonera Diretor-Geral da PF e Moro fica "indignado"
A expectativa gerou altas na cotação do dólar fazendo a moeda americana atingir novos recordes, valendo R$ 5,59 nesta manhã.
O mercado também avalia efeitos de um possível novo corte nos juros brasileiros na próxima reunião do Copom, em 6 de maio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário