quarta-feira, 9 de setembro de 2020

Tribunal de Justiça emite nota de pesar pela morte do General Sydrião

NOTA DE PESAR 
A Presidência do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte lamenta profundamente o falecimento do general do Exército brasileiro, Carlos Augusto Fecury Sydrião Ferreira, 53, ocorrido nessa terça-feira (08), em Brasília.

O militar comandava o Centro de Inteligência do Exército e recentemente participou da comitiva brasileira que foi prestar apoio ao Líbano, após a explosão no porto de Beirute, ocorrida em 4 de agosto.

Para a direção do Poder Judiciário potiguar, o general Sydrião foi sempre este homem voltado a servir, colaborativo e com muitos serviços prestados ao país e ao Estado. E demonstrando ser atencioso ao relacionamento institucional com a Justiça Estadual do RN, da qual foi um grande parceiro.

Sydrião comandou a 7ª Brigada de Infantaria Motorizada (2018-2019), em Natal, na qual ficou até 30 de agosto do ano passado, para assumir o Centro de Inteligência do Exército.

O TJRN agradece a parceria, o relacionamento produtivo e o respeito que sempre recebeu deste profissional que orgulha o Exército do Brasil. E se solidariza com familiares e amigos do general.

Leia também: 
Morre de Covid-19 o General Sydrião, chefe do Centro de Inteligência do Exército

Nenhum comentário:

Postar um comentário