Home

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que não apoia o desfile de blindados feita na manha desta terça-feira (10) na Esplanada dos Ministérios, no mesmo dia em que a Casa votará a proposta que torna obrigatório o voto impresso (PEC 135/19). Segundo Lira, “é uma trágica coincidência”.

Lira disse ainda que esse desfile é inédito, mas não acredita que tenha relação com a votação sobre o voto impresso. Segundo ele, se os deputados quiserem, a votação pode ser adiada.
Fonte: Ag Câmara

Poste um comentário

comente aqui..

Anúncio Publicitário

Banner