Home

GOVERNO DO RN


O Procon Municipal disponibiliza um serviço de atendimento ágil, rápido e eficiente através do aplicativo WhatsApp. Por meio do número (84) 98870-3865, os consumidores podem enviar demandas, incluindo sugestões, dúvidas, pedidos de orientações, denúncias, críticas ou elogios ao instituto. O serviço está em funcionamento desde 2016 em

Natal e, atualmente, é responsável por pouco mais da metade dos atendimentos.

Em 2022, segundo dados do órgão, foram 17.918 atendimentos, sendo 9.540 (53%) via WhatsApp, 7.687 por telefone e 781 presenciais. Os dados demonstram a importância da ferramenta tecnológica, uma vez que garante a agilidade dos trabalhos e permite a ampliação do acesso da população.

O uso do WhatsApp se torna ainda mais essencial quando se observa o crescimento da busca pela instituição. Para se ter uma ideia do aumento de demanda no Procon Natal, em 2020 foram 1.533 atendimentos. Em 2021, esse número saltou para 7.821 e, ano passado, somando todas as ferramentas de atendimento ao público, 17.918 demandas foram atendidas.

Na opinião do diretor-geral do Procon Natal, Carlos Fialho, diversificar a forma de atender ao consumidor é essencial. “É importantíssimo, pois foi justamente a diversificação das ferramentas de atendimento que proporcionou o aumento no número de casos atendidos e a consequência disso é que zeramos a fila de agendamentos”, explica.

Fialho explica que a tecnologia, utilizada amplamente por todos fortalece ainda mais o trabalho de garantia dos direitos dos consumidores. “Os casos recorrentes de infrações cometidas pelos fornecedores e a vulnerabilidade do consumidor, observadas pelo Procon Natal em muitas situações, mostraram ao órgão a necessidade de expansão da atuação do instituto municipal”, comenta.


Atuação do Procon
O Procon tem um índice de 67% de acordos. Muitos conflitos são resolvidos antes mesmo da abertura dos processos, através de linhas diretas. Nesses casos, o percentual de acordos sobe para até 90%.

Além de atuar nas negociações entre consumidores e fornecedores, a entidade presta serviços importantes como as pesquisas de preços e análise de processos. Ano passado, para a realização das pesquisas, 1.311 estabelecimentos visitados. Ainda em 2022, o setor jurídico da entidade analisou 860 processos.

O instituto também realiza audiências de conciliação, faz pesquisas de rotina, promove um cronograma semanalmente ou mensalmente (supermercados, cesta básica, gás de cozinha e postos de combustível), além das sazonais (matrícula escolar, dia das mães, natal,dias dos pais, dia das crianças, são joão, páscoa).

Além disso, o Procon Natal realiza a fiscalização em supermercados, bares, restaurantes, farmácias, comércios e bancos. Algumas de rotina, outras fruto de denúncias graças ao atendimento. O Procon vinculado ao Município de Natal também atende ao Ministério Público na realização tanto de pesquisas como de fiscalização.

O órgão participa de mutirões de atendimentos, de eventos em escolas, dispõe de um trailer para fazer serviços de atendimento itinerante e está disponível para realização de palestras em instituições com técnicos especialistas.



Outros canais de atendimento
O Procon Natal ressalta que, mesmo com a implementação do serviço no WhatsApp, trabalha para estreitar e aproximar ainda mais o consumidor do serviço prestado e que o atendimento ao público continua a ser feito na sede do instituto, na Rua Ulisses Caldas, 181, Cidade Alta, Natal - RN CEP. 59025-090 - pelos Telefones: (84) 3232-9050 / (84) 3232-9051 e no e-mail: procon.natal@natal.rn.gov.br. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira das 8h às 14h.

Poste um comentário

comente aqui..