Home

GOVERNO DO RN

 

Conforme prévia operacional protocolada neste último dia 9 de abril, na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Moura Dubeux, incorporadora com mais de 40 anos de atuação no Nordeste, lançou três projetos no primeiro trimestre de 2024, totalizando VGV líquido (valor geral de vendas) de R$ 347 milhões. São 651 unidades, distribuídas nos empreendimentos Jardim do Parque, em Maceió (240 apartamentos), Beach Class Iracema, em Fortaleza (279), e Rivê, em Salvador (132).

No período, a empresa, que é líder em market share na região, também entregou a primeira fase do maior projeto imobiliário em desenvolvimento na região Nordeste. Trata-se do Mirante do Cais e do Parque do Cais, em Recife, totalizando 417 unidades e VGV líquido de R$ 627 milhões.

Diego Villar, CEO da Companhia, informa também que as vendas e adesões líquidas no primeiro trimestre foram de R$ 372 milhões. Esse volume manteve a VSO da Companhia, principal indicador operacional do setor, em um patamar muito saudável. O montante comercializado representa aumento de 14% em relação a igual intervalo de 2023 e redução de 6,3% na comparação com os três meses imediatamente anteriores. No período, a Moura Dubeux adquiriu 4 terrenos. Com isso, o total de terrenos passou para 61, que apresentam VGV bruto potencial de R$ 8,8 bilhões. Vale mencionar que o banco de terrenos da Moura Dubeux está bem distribuído, considerando a participação de cada praça no plano de lançamento anual da empresa.

Poste um comentário

comente aqui..